Abandono de idosos

September 20, 2017

 

Abandono de idosos.

 

Sabiam que no Brasil a expectativa de vida tem aumentado cada vez mais? Sabendo disso deveria haver por parte da sociedade maior preocupação para com os membros da terceira idade em relação ao seu bem-estar e efetivação dos seus direitos e garantias, porém infelizmente não é assim que acontece.

 

Temos que ter consciência que os idosos são pessoas que já contribuíram bastante com nossa sociedade, porém muitas pessoas não reconhecem seu valor como ser humano e não respeitam seus direitos e se esquecem que os idosos são as memórias que temos do tempo passado, eles são a “voz da experiência”, ou seja, são pessoas que passaram por várias situações boas e más da vida e que podem orientar aos mais novos que estão percorrendo caminhos semelhantes aos que eles já percorreram.

 

Devido ao este aumento da população idosa várias leis foram criadas para os protegerem, mas, faltam medidas mais enérgicas para que essas leis os atendam de forma integral.

 

No estatuto do idoso em seu artigo 3º diz que eles gozam de direitos referentes à vida, saúde, esporte, lazer, cidadania, etc., porém o que vimos nesse artigo nem sempre é o mesmo que vemos na realidade.

 

A Constituição Federal vigente no Capítulo VII – Da Família, da Criança, do Adolescente, do Jovem e do Idoso, em seu artigo 229 diz que “Os pais têm o dever de assistir, criar e educar os filhos menores, e os filhos maiores têm o dever de ajudar e amparar os pais na velhice, carência ou enfermidade”. O artigo 230, também da Carta Magna, salienta sobre o amparo as pessoas idosas, garantindo-lhes o direito à vida, reconhecendo ser “dever da família, da sociedade e do Estado, amparar as pessoas idosas, assegurando sua participação na comunidade, defendendo sua dignidade e bem-estar, garantindo-lhes o direito à vida.”.

 

Apesar de o cuidado da família para com o idoso estar previsto na Constituição Federal, atualmente podemos perceber que nossa geração não se preocupa com seus idosos. Os velhos são vistos por muitos com olhar de desprezo e pena, como pessoas incapazes de viver intensamente a vida que lhes resta esperando o dia da morte. Os mais jovens adquiriram como modelo a seguir artistas e celebridades. É muito raro ver alguém que se espelhe em um idoso.

 

Outro ponto que merece destaque diz respeito ao mercado de trabalho está cada dia mais exigente, tendo preferencias por pessoas mais jovens e qualificadas, fazendo com que o idoso vá perdendo seu lugar pouco a pouco ou muitas vezes até de forma rápida, poucas são as empresas que realizam programas voltados para inserir o idoso no mercado de trabalho.

Esse idoso que não consegue mais trabalhar, seja por motivos de saúde ou por não estar nos padrões que o mercado exige, pode começar se sentir inútil, um incômodo e um ser desprovido de produtividade.

 

Algumas famílias podem colocar os idosos em casas de repouso, porém eles devem receber regulamente a visita de sua família, pois caso contrário podem intensificar seus problemas de saúde ou a desenvolverem mais doenças físicas e mentais do que os que recebem acompanhamento familiar com frequência. A falta do acompanhamento familiar afeta também a convivência do idoso com os outros, fazendo com que este fique mais afastado das atividades em grupo, tendendo ao isolamento cada vez mais.

O isolamento pode provocar falta de apetite, depressão, baixa-estima dentre várias outras coisas que fazem com que o estado emocional do idoso fique comprometido, influenciando também em sua saúde uma vez que ele pode se sentir  “descartado”, abandonados ou rejeitados pela família.

 

Não devemos esquecer que o nosso tempo presente só foi possível por ter  grande colaboração dos nossos idosos, devemos nossa existência à eles, então nossa retribuição a eles é justamente não permitir que eles pensem que ocupem a posição dos “menos importantes” em nossa sociedade, que sejam  abandonados por suas famílias e principalmente que recebam maus tratos.

 

Daniela Janoni

 

Please reload

RECEITAS

APRENDENDO A JOGAR

November 6, 2019

1/10
Please reload

POSTS RECENTES

November 6, 2019

September 18, 2019

August 15, 2019

June 15, 2019

Please reload

Arquivo