Buscar
  • Camila de Assis

NA TERCEIRA IDADE: FISIOTERAPIA ou ATIVIDADE FÍSICA? COMO DECIDIR?


Sabe-se a muito que praticar atividade física e associá-la a uma alimentação equilibrada, proporciona uma ótima qualidade de vida. Entretanto, vemos o sedentarismo sendo um dos grandes vilões da atualidade causando: obesidade, hipertensão, diabetes, depressão, fibromialgia, ansiedade, estresse, doenças cardiovasculares, problemas de ordem musculo-esqueléticos, insônia entre uma infinidade de desordens.

Felizmente, existe uma infinidade de exercícios que as pessoas podem praticar de acordo com a idade, com a mobilidade e com sua capacidade. Tornando quase impossível haver uma maneira de uma pessoas saudável não praticar atividade física independente da idade.

A medida que o corpo envelhece, os cuidados devem ser multiplicados, tendo que há toda uma modificação no metabolismo e várias vezes também na nossa vida social, familiar e profissional. A tendência é perdermos agilidade, massa e tônus muscular, equilíbrio, ter diminuição na acuidade visual e auditiva tornando-nos mais frágeis e menos ativos. Porém, é aí onde mora o perigo. A diminuição gradativa das atividades de vida diária trazem a ociosidade causando malefícios progressivos a saúde.

A realização de atividades físicas trazem benefícios incalculáveis recuperando não apenas a parte física, mas também a parte mental ao trazer o bem estar e aumentar a auto estima. Em geral, aconselho idosos que são ativos, independentes a realizarem atividades onde haja o contato social. A importância de conviver com outras pessoas, principalmente, da mesma idade, traz rotina a vida diária.

O fato de ter horário para ir para: academia, hidroginástica, natação, pilates, yoga, aula de dança... estimula a necessidade de viver, pois, existe o prazer. A medida que a pessoa envelhece os filhos crescem, os netos crescem, aposenta-se, os deveres e objetivos diminuem causando muitas das vezes um vazio podendo levar a depressão. Ao realizar atividades que tragam mais vigor, melhorem sua funcionalidade, onde se faça amizades, troque experiências, a vida desse idoso fica mais alegre, mais ambientada, mais feliz.

A fisioterapia também pode ser adotada como um método para o idoso realizar atividade física. Certas patologias (doenças reumáticas, neurológicas, ortopédicas e ou traumatológicas) dificultam a realização das atividades físicas regulares por gerar incômodos, dor, desequilíbrios, medo, piora do quadro após a atividade. Logo, este precisa de uma atenção especial, que é fazer com que ele realize exercícios onde haja auxilio no quadro e ainda contribuam para o bem estar geral.

Porém, ainda existem aqueles idosos que simplesmente preferem a comodidade de ter um profissional que vá a sua casa e através de um atendimento personalizado leve ele a praticar exercícios para que mantenha o equilíbrio, a força, o tônus, a elasticidade, a mobilidade. Mesmo no ambiente domiciliar é possível a realização da fisioterapia, obviamente, sofrendo as adaptações necessárias de acordo com cada paciente e cada ambiente. Quando entendemos que a fisioterapia está imbuída no trabalho de reabilitação de patologias e esta é feita através de exercícios na maioria das vezes, temos que um fisioterapeuta está pronto para acompanhar um idoso na sua rotina de exercícios para que evite o sedentarismo. No entanto, é sábio dizer que a escolha entre um fisioterapeuta domiciliar ou uma atividade física regular é feita pela capacidade do paciente em acompanhar a rotina de exercícios, a sua cognição, a sua patologia e sua comodidade.

Compreendermos que realizar atividades físicas tem a capacidade de transformar nossos corpos e nossas mentes com a liberação de endorfinas e melhora da disposição, logo, é de suma importância para as nossas vidas. Diversas doenças, até mesmo as de origem psicológicas, podem ser evitadas adotando atividades que nos causem bem estar. Adquirir o hábito praticar exercícios que goste, que realmente traga prazer, conduz a uma vida mais equilibrada e feliz. O futuro começa hoje, cuidar da saúde é sempre melhor do que cuidar da doença. Cuidem-se!

Camila de Assis

Fisioterapeuta

Contatos: (21) 995060646

camilaagoncalves@hotmail.com

#CAMILADEASSIS

0 visualização

CANTINHO DA GERIATRIA

Textos e artigos da Dra. Roberta França

SIGA NAS REDES

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black Blogger Icon

SIGA O CANTINHO NO FACEBOOK

Cantinho da Geriatria 2020 © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvido por Toco Me Voy