Buscar
  • Dra Roberta França

DEPRESSÃO RESISTENTE NO TRATAMENTO DO IDOSO


Não é raro, na prática geriátrica, o paciente chegar ao consultório com uma história de depressão de longa data já tratada com inúmeras medicações e segundo a família " nada adianta, ela não melhora" "ele já tomou todos os antidepressivos" " ela melhora por um tempo e depois piora de novo".

Acredite, este fato é mais comum do que você imagina! Estudos mostram que só 50% dos idosos tratados para depressão respondem a primeira medicação prescrita!!

Muito são os fatores que colaboram para essa não resposta: * tratamento inadequado, seja por doses abaixo das terapêuticas, medicação pouco assertiva ou diagnóstico equivocado * má aderência ao tratamento. É muito comum os próprios pacientes ou cuidadores darem metade do comprimido por achar "forte demais" ou não dar por "medo de viciar" * distúrbios neuropsiquiátricos associados como bipolaridade, lesões vasculares, demência ou lesões expansivas (tumores) * comorbidades clínicas como dor crônica, baixa acuidade visual e/ou auditiva, doenças respiratórias.

Diante de tantas possibilidades um bom exame clínico é fundamental. Tão importante quanto exames laboratoriais e de imagem é a história detalhada deste paciente que nos dará o melhor caminho a seguir... Sou uma profunda defensora do tratamento da depressão... seja ela inicial ou recorrente. Acredito que ninguém merece viver na escuridão da dor e da tristeza, não importa sua origem. Tratar a depressão é dar o direito irrevogável do paciente a retomar sua propria vida e reescrever sua história...

Só quem já passou ou convive com pessoas depressivas sabe o valor do tratamento. E não estou dizendo apenas de tratamento medicamentoso... Recuperar a alegria de viver e a luz do olhar vai muito além de pílulas diárias... É preciso renascer ... Fazer terapia, reencontrar os amigos, fazer atividade física que lhe dê prazer, caminhar apenas para ver gente... Tudo isso são movimentos que modificam a história da doença ! Não há nenhuma vergonha em gritar por socorro... Não há nenhuma invasão em buscar socorro Tratar é preciso!!! E seja bem vindo a vida

Por Dra Roberta França Medicina Geriátrica www.cantinhodageriatria.com.br


22 visualizações

CANTINHO DA GERIATRIA

Textos e artigos da Dra. Roberta França

SIGA NAS REDES

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black Blogger Icon

SIGA O CANTINHO NO FACEBOOK

Cantinho da Geriatria 2020 © - Todos os Direitos Reservados

desenvolvido por Toco Me Voy